English (UK)SpanishESFrenchfr-FRItalian (IT)Portuguspt-PT
Facebook Image

ATIVIDADES
A Convergência das Culturas em ação. Atividades recentes das diferentes equipes no mundo.
Ver  
DOWNLOADS
Baixe materiais e documentos elaborados pelas equipes de base da Convergência das Culturas.
Ver  
GALERIAS
Aqui você vai encontrar diversas galerias fotográficas de eventos, atividades e campanhas.
Ver  
MULTIMÍDIA
Colocamos imagem e som em nossas atividades. Seleção de vídeos, filmes e apresentações.
Ver  

​ 

Login Form

 

Convergência das Culturas
CdCConvergência das Culturas é um organismo que faz parte do Movimento Humanista. Este surgiu em 4 de maio de 1969, com uma exposição pública de seu fundador, Silo, conhecida como "A Cura do Sofrimento", em uma paragem montanhosa nos Andes chamada Punta de Vacas, próxima da fronteira entre Argentina e o Chile.
O Movimento Humanista se baseia na corrente de pensamento conhecida como Novo Humanismo ou Humanismo Universalista. Ele se encontra exposto na obra de Silo e na dos diversos autores que nela se inspiraram.
Este pensamento, que implica também um sentimento e uma forma de vida, se plasma em múltiplos campos das tarefas humanas, dando origem a diversos organismos e frentes de ação. Todos eles se aplicam em seus campos específicos de atividade com um objetivo em comum: Humanizar a terra, contribuindo assim para aumentar a liberdade e a felicidade dos seres humanos.
Outros organismos surgidos do mesmo Movimento humanista são o Partido Humanista, A Comunidade para o Desenvolvimento Humano, Mundo Sem Guerras e sem Violência e o Centro Mundial de Estudos humanistas.
Âmbitos de diálogoAmbitos de diálogo

É imprescindível o encontro e o diálogo entre seres humanos de culturas diferentes que ao olharem-se possam dizer: "eu existo porque tu existes".

No entanto a intenção de apropriar-se do todo por parte de uma minoria e as propostas intolerantes de uns líderes que cavalgam sobre a falta de futuro de indivíduos e povos, seguem justificando e alimentando o choque de culturas, a discriminação e a violência.

Hoje é necessária a formação de âmbitos onde se resgatem as ideias, as crenças e as atitudes humanistas de cada cultura que, além de toda diferença, se encontram no coração dos diferentes povos e indivíduos.

A Mundialização

Na sociedade atual, a convivência entre diferentes culturas é um fato cotidiano. Mas o extraordinário deste momento histórico é que se trata de um momento de mundialização, onde todas as culturas se aproximam e se influenciam mutuamente, como nunca antes havia acontecido.
mundializacion
Não estamos falando somente do fato de que, hoje, as pessoas de todo o planeta podem se comunicar graças aos avanços na tecnologia das comunicações, mas também do acúmulo histórico de fenômenos como o colonialismo e o imperialismo, a enorme disparidade nas condições de vida e de sobrevida entre diferentes áreas do mundo, os contínuos movimentos migratórios massivos, mostrando o multiculturalismo no interior dos que continuam ainda sendo considerados "territórios dos estados nacionais".

Mundialização e Globalização.globalizacion

É importante diferenciar entre este processo de mundialização crescente e a globalização.

A tão mencionada globalização não é senão outra coisa que o tradicional comportamento que impulsionou os centros imperiais. Como aconteceu reiteradamente na história, esses impérios se instalam, se desenvolvem e fazem girar ao seu redor outros povos, tratando de impor sua língua, seus costumes, sua vestimenta, sua alimentação e todos seus códigos.

Finalmente essas estruturas imperialistas terminam gerando violência e caos, produto de seu ingênuo atropelo e da confrontação cultural..

Nossas Propostas
1. Facilitar e estimular o diálogo entre as culturas
2. Lutar contra a discriminação e a violência
3. Levar sua proposta a todas as latitudes

propuestasConvergência das Culturas é uma organização de caráter mundial; neste sentido seus membros, independentemente do lugar onde atuam, se sentem parte da mesma ação mundial humanizadora que se expressa de maneira diversa, mas convergente.

A participação está aberta a toda pessoa, sem discriminação alguma.
Todo aquele que esteja vendo esta apresentação, pode começar a participar em CC desde já.

As relações e as condutas pessoais e grupais se baseiam na Regra de Ouro: “Trata aos demais como queres ser tratado”.

A Atitude Humanista

Quando nos referimos a uma atitude humanista, nos referimos aos seguintes seis pontos:

  • A colocação do ser humano como valor e preocupação central.
  • A afirmação da igualdade de todos os seres humanos.
  • O reconhecimento da diversidade pessoal e cultural.
  • A tendência ao desenvolvimento do conhecimento acima do aceito ou imposto como verdade absoluta
  • A afirmação da liberdade de ideias e crenças
  • O repúdio à violência

Atividades
As Equipes de Base realizam reuniões periódicas de intercâmbio, esclarecimento ideológico e organização de diversas atividades.

Basicamente, estabelecem contato permanente com comunidades de diferentes culturas, associações e pessoas com interesse de difundir e organizar, de modo conjunto, as atividades próprias do organismo.

Tenerife
Entre as atividades mais importantes se destacam as seguintes:

Organização de conferências, exposições, fóruns, encontros culturais e artísticos, com a participação de membros das diferentes culturas.

Participação de seus membros em atividades organizadas por outras entidades com temas afins (por exemplo: cúpulas, conferências, exposições).

Campanhas internacionais, regionais, nacionais e locais do organismo.

Organização e participação em manifestações de denúncia contra a discriminação.

Campanhas específicas de denúncia com o objetivo de divulgar os conflitos e as arbitrariedades que as distintas comunidades sofrem.

Distribuição de material de difusão às comunidades de diferentes culturas nos distintos países, com a intenção de difundir e unir pessoas e organizações em torno ao estudo e às atividades da Convergência das Culturas.

Difusão da informação sobre diferentes culturas em escolas com a participação de membros das distintas comunidades.

Elaboração de publicações e produção de programas de TV, rádio, vídeos, websites, boletins, jornais, etc.

Organização de seminários, bate-papos, apresentações sobre temas importantes, tanto para seus membros como para o público em geral.

Disponibilizar a seus membros os materiais de formação pessoal baseados no Manual do Movimento Humanista.

Organizaçâo
A Convergência das Culturas é uma organização de caráter mundial; neste sentido seus membros, independente do lugar onde atuam, se sentem parte da mesma ação mundial humanizadora que se expressa de maneira diversa, mas convergente.

Suas formas de participação são abertas e flexíveis. Trata-se de uma organização de base humana, na qual cada pessoa é responsável por aquilo que impulsiona e constrói.

As estruturas básicas (e fundamentais) da Convergência das Culturas são as "equipes de base" que desenvolvem suas atividades ao nível do bairro, de escolas, de universidades, de lugares de trabalho, por internet, etc.

Qualquer grupo, organização ou agrupamento que, sem perder sua própria identidade, manifesta sua adesão aos princípios que inspiram à C.C., poderá solicitar sua inclusão como "aderente" da C.C. e manter com esta, relações de mútua colaboração.

Ver más información en Cuaderno de Convergencia de las Culturas.
As "Equipes da Convergência
das Culturas" (grupos de base)

Desde sua formação, as Equipes da C.C., impulsionam a colocação em marcha de três mecanismos ou funções para seu crescimento:

  1. Crescimento: orienta sua ação até outras pessoas, para outras redes e organizações com o objetivo de fazer conhecer seus planejamentos, propostas e ferramentas.
  2. Comunicação: mantém uma fluida comunicação e intercâmbio com outras equipes da C.C. e com outras organizações afins a seus objetivos.
  3. Formação: atende à progressiva formação de seus membros pondo a sua disposição as ferramentas para seu desenvolvimento pessoal, cultural e social.

Estas equipes da Convergência das Culturas geram vínculos com outros grupos e organizações de seu meio, mas por nenhum motivo estabelecem uma relação orgânica com nenhum deles.

Materiales
Materiales de Formación y consulta Autor Formato
Cuaderno de Convergencia de las Culturas Trabajo en equipo 1download
Manual de Formación para los Miembros del MH. Trabajo en equipo 1download
Autoliberación (material de apoyo y consulta) L. A. AMMANN 1download
Materiales reunión de Punta de Vacas Autor Formato
Noción de Cultura C. Miconi 1download
Power Point sobre organización E. Perez 1download
Materiales de Difusión Autor Formato
Logotipo de la Convergencia de las Culturas R. Edwards 1download
Logotipo de la Convergencia de las Culturas R. Edwards 1download
​ 
 

STOP MARE MORTUM [Barcelona - Spain]

Stop1

 

In Barcelona, ​​the public platform "STOP MARE MORTUM", in which is included the team FUTURE - Convergence of Cultures, held a rally to demand the creation of a real network of welcoming refugees municipalities in Catalonia.

The rally on Friday, September 4 was held before the meeting of Cities for the Common Good, organized by the city of Barcelona, ​​with the presence of mayors from other Spanish cities who had declared their willingness to act as "cities of refuge" .

Stop2

 

In the press call it was said:

Thousands of refugees and migrants arriving in Europe, or even die on the road, fleeing armed conflict and instability that exist in their countries of origin. This reality, however, is not new but a trend that since 2013 has been increasing fruit of the conflicts of the countries on the Mediterranean and Europe itself: Syria, Afghanistan, Ukraine ... For the platform, refugee is anyone who is forced to leave their country by war, economic reasons of sexual orientation or any other infringement of rights that endangers his life. Currently the situation is critical and therefore we urge governments to put solutions.

Stop Mare Mortum calls for citizen mobilization as a tool of political pressure and that's why convenes a concentration with candles under the slogan "Here yes, Catalonia is home".

After the meeting with the City Council on 1 September, where Sto Mare Mortum participated, we welcome the decision of the city to lead the process can become a real network of cozy municipalities in Catalonia and provide more budget heading for the reception. Civil society requires municipalities around the country to fulfill their responsibility to protect human rights and as citizens closer to the administration, to undertake to guarantee the right to asylum and to provide solutions to the vulnerable many people regardless of their administrative status. We want more of the same populations that have, for the moment, Sabadell or Sant Feliu de Llobregat to join.

From the platform we ask the Government and the municipalities:
- Coordination between all the authorities responsible: Councils, Generalitat, Spain and European Union.
- Increase the number of places for asylum in Catalonia. 28 offer is a ridiculous number to more than 7.5 million people and more than 1,600 applications that are expected this year.
- Raise the quality of the square host.
   1. Currently asylum time is 6 months. We believe this is insufficient time for a person to overcome the traumatic experience of exile and to be autonomous (to learn the language, know the country, finding work ...). After these six months the person is unprotected. So we think it should be a minimum of two years.
   2. Create a proper reception facilities and support needs (psychologists, social workers, interpreters, lawyers ...) and individualized.
- Universal access to public services (health, education, social services, housing, employment services ...).
- Create a network of cozy Catalan municipalities. - We want other people to follow the line of Barcelona, ​​Sabadell or Sant Feliu de Llobregat.
- Create a network of host families the resources and the necessary guarantees. Provide adequate to the organizations working with the refugees to meet them with guarantees resources.
Initiate policies and ensure municipal development cooperation with transforming vocation.
For all this we think that the budget of 100,000 euros that the Government has allocated to International Protection Plan of Catalonia 2014 is inadequate and therefore requested a budget increase of urgency.

Moreover, Stop Mare Mortum develop a proposal that will reach all the political groups to bring their town meetings.

Copyright © 2017 Convergence of Cultures. Todos os direitos reservados.
Joomla! software livre. Licença GNU GPL.
 

campaña 2013

Newsflash

Convergence of Cultures takes leave from Silo, the inspiration for New Humanism.

silo00
Convergence of Cultures reports the death of the philosopher Mario Luis Rodríguez Cobos (Silo), founder of "Universalist Humanism" or "New Humanism", school of thought that inspires this international organization dedicated to promoting and facilitating dialogue between cultures and combat all forms of violence and discrimination.

Continuar...

Search

Who's Online

Temos 136 visitantes e sem membros em linha